* *

Google recebe multa de 50 milhões de euros por uso de dados pessoais

França processou o site de busca

Por: Redação ANDIF - Publicação: 24/01/2019
Imagem de Google recebe multa de  50 milhões de euros por uso de dados pessoais

Foto: divulgação

A Comissão Nacional de Informática e Liberdades (CNIL) , órgão responsável pela  proteção de dados do país, anunciou na segunda-feira (21), que aplicou uma multa recorde de 50 milhões de euros à Google por não informar claramente seus usuários sobre sua política de uso de dados pessoais.

A CNIL aplicou a sanção à gigante americana por "falta de transparência, informação insatisfatória e a ausência de consentimento válido" sobre o uso de dados pessoais de seus usuários, de acordo com um comunicado do corpo.

De acordo com o órgão, a Google torna muito difícil para os usuários entender e gerenciar suas preferências em relação ao uso de seus dados pessoais, especialmente em termos de publicidade direcionada.

Novo regulamento

A CNIL é a primeira instância europeia de regulação a multar uma plataforma global digital com base no novo regulamento europeu de proteção de dados (RGPD), que entrou em vigor em 25 de maio de 2018. Este novo regulamento europeu prevê sanções até 4% do volume de negócios global anual total no caso de descumprimento da obrigação de proteger os dados pessoais dos cidadãos europeus.


*Com informações do Destak 



Redes Sociais

Atendimento ao Consumidor

Empresas

Baixe Gratuitamente

Projeto: Mídia Consulte